Meus amigos

TPM e trabalho - uma ligação complicada

Até pouco tempo atrás, a TPM (Síndrome da Tensão Pré-Menstrual) era um negócio intimo. As mulheres que sofriam desse mal, estavam entregues aos seus próprios sofrimentos.

Eventualmente, entre sorrisos constrangidos, podia-se ouvir algum comentário sobre a instabilidade emocional da mulher, mas era só.
Os filhos não entendediam como é que aquela figura doce virava um monstro todo mês sem nenhuma explicação.

Pertencia só ao mundo feminino. Era um segredo que, quando muito, podia ser compartilhado com o ginecologista.

Era um tempo de mistério, as mulheres tinham um mundo só delas.

Mas, os tempos mudaram, a TPM ganhou a mídia, os locais de trabalho e tomou seu lugar na família. Hoje, não tem um filho, por menor que seja, que não saiba identificar seus sinais.

A TPM ganhou autonomia, ela existe quase independe da mulher. Todas, aos olhos do mundo, sofrem dessa síndrome queira ou não. Já foi instituído. Até na menopausa, tem gente que aponta sinais de TPM.

Que ela pode ser devastadora ninguém duvida, que machuca a alma também não. Mas, pelo menos no trabalho é preciso manter a lucidez.

TPM não é desculpa para grosserias

Mesmo as mulheres mais eficientes, as vezes, incorporam a síndrome e se deixam possuir pela TPM.

Algumas já dão o aviso no elevador do escritório que é para ninguém se arriscar. São as transtornadas pela TPM.

Algumas empresas tentando resolver o problema criaram o Centro para TPM. A mulher que não está bem pode buscar refúgio neste local durante alguns minutos.

Para as empresas, qualquer esforço é válido para amenizar seus efeitos no moral da equipe.
Seja como for, TPM não é desculpa para ser mal-educada.

Quem sofre disso precisa ficar alerta, a família talvez tenha que arcar com os prejuízos, mas os colegas de trabalho não.
É preciso tomar alguns cuidados:

Acordou com a sensação de que virou uma bola, os olhos inchados e de mau humor, tome um super banho, capriche na roupa do trabalho, passe seu melhor perfume e se enfeite. Isso é para não ter que se achar feia.


Tenha de reserva coisas naturais como chás, um mel especial, alguma mistura mágica para essas datas. Comece o dia presenteando o seu corpo. Isso é para se sentir querida.


Faça seu melhor sorriso e não tire do rosto, aquele que você fez quando conseguiu seu primeiro emprego, quando foi pedida em casamento ou quando soube que conseguiu uma promoção. Isso é para dar de presente para os outros.


Se a irritação começar a tomar corpo, dê uma desculpa qualquer e se retire por alguns minutos. Vá para algum lugar tranqüilo e respire fundo muitas vezes. Isso é para não se revelar.


Não conte para ninguém que está de TPM, não se permita ser grosseira ou malcriada. Faça um esforço brutal, mas faça. Isso é para não magoar ninguém e depois ter que pedir desculpas.

Mesmo assim, se alguém insistir em lembrar, dê uma de “João-sem- braço”...TPM? O que é mesmo TPM?


Mulheres no período fértil se vestem para impressionar
Uma pesquisa realizada pela Universidade da Califórnia revela que as mulheres se vestem de forma mais sensual e chamativa quando estão em seu período fértil.

Um estudo com universitárias, publicado no jornal americano Hormones and Behavior, mostrou que as mulheres usam roupas mais fashion e brilhantes, mais maquiagem e jóias quando estão ovulando.

Esse resultado foi obtido por meio da avaliação de fotografias de como as jovens se vestiram no período de um mês. Foi constatado um maior grau de vaidade e preocupação com aparência nos dias que coincidem com o período fértil.

“Elas usam mais saias ao invés de calças, mais decotes e pele à mostra”, explica Mártir Haselton, especialista da universidade que lidera os estudos.

Esse grupo de pesquisadores estuda os sinais que o corpo da mulher evidencia no período de ovulação, procurando desvendar os mistérios do sistema reprodutor feminino.

Nenhum comentário:

Postar um comentário