Meus amigos

Mitos e Verdades 3


Ovo aumenta o colesterol. (MITO)
Desde a descoberta do colesterol, o ovo passou a ser considerado um vilão pois contém mais de 200 mg de colesterol em cada gema (dois terços da ingestão diária recomendada). Porém, estudos apresentados no guia de alimentação da Escola Médica de Harvard comprovaram que acrescentar mais 200 mg de colesterol por dia à alimentação eleva apenas ligeiramente os níveis de colesterol sangüíneo. ‘‘Proibir o ovo não é adequado’’, afirma a professora titular de nutrição da Universidade de Brasília (UnB), Tereza Helena da Costa. ‘‘O que precisa é controlar a quantidade consumida.’’ Os ovos são pobres em gorduras saturadas (as que fazem mal ao organismo), mas são ricos em outros nutrientes benéficos como proteínas, gorduras polinsaturadas (boas para o organismo humano), ácido fólico e outras vitaminas do complexo B. Além disso, as pessoas reagem de maneiras diferentes ao colesterol em sua alimentação. Algumas transformam o colesterol dos alimentos direto em colesterol sangüíneo, outras podem ingerir e digerir o colesterol sem que isso cause grandes mudanças no sangue.

Arrancar um fio de cabelo branco faz nascerem dois no lugar. (MITO)
Essa frase que está na boca de muita gente — especialmente daqueles que descobrem os primeiros fios de cabelo branco — não passa de uma lenda. O máximo que pode acontecer quando se arranca um fio branco é a pessoa sentir dor e causar um ferimento superficial no local. A canície (branqueamento dos cabelos) depende da idade, de problemas hormonais ou de fatores geneticamente programados. Mas nunca do modo como se arrancam os cabelos. ‘‘Arrancar cabelos, com certeza, não é uma coisa inteligente de se fazer’’, critica o dermatologista Francisco Leite. A melhor coisa a fazer quando surgem os cabelos brancos indesejados é pintá-los ou tingí-los.

Natação cura asma. (MITO)
É uma história da carochinha, pois 10% dos campeões olímpicos de natação são asmáticos ou já tiveram crises de asma. Mas o alergista Alexandre Aires diz que esse é o esporte mais bem tolerado pelo asmático, porque é praticado em ambiente úmido. Agora, todos os esportes são saudáveis, principalmente os aeróbicos. Porém, algumas modalidades, como a corrida, apresentam restrições, por induzir a possíveis crises de asma. Durante a corrida, a pessoa respira pela boca, levando ar seco e frio para os pulmões.

Quanto mais exercício físico, melhor. (MITO)
A Organização Mundial da Saúde dedicou sua campanha anual para o tema Move for Health (Agita Mundo). Com isso, quer estimular pessoas de todos os países a sair do sedentarismo. A sugestão dos especialistas é que cada um procure movimentar-se por, pelo menos, 30 minutos ao dia. Pode ser em caminhadas, subindo escadas ou na arrumação da casa. O importante é sempre movimentar-se. Porém, muitas pessoas levam a recomendação ao extremo. A prática de exercícios é importante, mas o organismo precisa de repouso adequado para obter benefícios dessa prática. ‘‘É importante que os limites sejam respeitados e que haja um período de recuperação de pelo menos 24 horas entre os treinos semanais’’, alerta o especialista em Educação Física da Universidade de São Paulo, Roberto Fernandes Costa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário