Meus amigos

Cartilha para pais a beira de um ataque de nervos

Tente localizar seu filho.Olhe embaixo da mesa, atrás do armário e até dentro da geladeira.Se ele corre pela casa enquanto você desaba no sofá de tanto cansaço, este é um bom motivo para procurar algo que explique como lidar com o exagerado entusiasmo infantil. Filhos não vêm com manual.

1- Como lidar com crianças hiperativas?
É preciso estimular a criança a executar tarefas que tenham um fim. Desenhar e pintar em folhas de cartolina ou fazer bonecos de argila é ótimo. Atividades deste tipo motivam a criança a se concentrar na tarefa que estão desenvolvendo. Crianças hiperativas têm grande potencial intelectual e, na escola, é comum que não tenham paciência com colegas mais lentos. A professora deve perceber que crianças hiperativas precisam de mais tarefas.

2 - Como estipular o horário para ver TV?
Crianças precisam ter acesso ao super-herói. Eles mobilizam a consciência de que é preciso ter compaixão, se posicionar contra o mal e proteger quem é mais fraco. Por exemplo: desenhos que mostram robôs salvando o mundo de catástrofes são bons estímulos. Monstros em guerra, sangue por sangue, não acrescentam valores. Cabe aos pais monitorar o que o filho pode ou não ver. É claro que passar a tarde toda grudado na TV não é saudável.Criança que leva vida de criança, batendo bola e pulando corda, não tem tempo para ficar o dia todo vendo TV. Existe até amarelinha pronta, de armar, para vender nas lojas.

3 - Até qual idade é aceitável fazer xixi na cama?
Até os seis anos. A partir daí, é preciso iniciar um treinamento com a criança.Isso começa com uma disciplina alimentar. Não é possível exigir que a criança não faça xixi na cama se ela ingeriu três mamadeiras antes de dormir.Um segundo ponto é a motivação. O xixi na cama deve ser um problema para a criança e não para sua família. Se o pai acorda no meio da noite, troca a criança e permite que ela durma na cama do casal,ela não terá motivação para deixar de fazer o xixi.É melhor deixar o lençol molhado até o outro dia.Mas é importante não humilhar a criança.

4 - Como estimular a organização de brinquedos?
A criança deve aprender com a família a ter um senso de organização e zelo. Em primeiro lugar, é bom investigar se aquele brinquedo de R$ 300 é realmente o que a criança gosta. Quando gosta do brinquedo, ela acaba cuidando bem dele. Uma criança só aprende a zelar por suas coisas e a guardar os brinquedos se tiver um exemplo. Curiosamente, os brinquedos que mais estimulam a criatividade são os que provocam mais bagunça em casa, como as peças para montar.

5 - Qual é o momento certo para falar sobre sexo?
A hora certa de falar é quando a criança começar a perguntar, por volta dos cinco anos. É possível falar sobre maternidade e gravidez sem evocar o sexo erótico, mas não se pode dizer que a cegonha trouxe o bebê ou que Deus mandou na sacola. Não se deve mentir para criança, isso nunca é recomendável. É possível dizer, por exemplo, que a criança foi uma semente, colocada na barriga da mãe pelo papai. Neste campo, o mais importante é orientar a criança sobre terceiros, sobre quem pode colocar a mão no bumbum, nos órgãos genitais.

6 - Pais são responsáveis pelo fracasso do filho?
Pais são responsáveis por colocar a criança na escola, cobrar as tarefas e dizer ao filho que ele é capaz de executá-las. O filho é o maior agente de sua vida, o pai deve estimular que ele faça suas atividades, que erre tentando acertar. O pai deve acompanhar a agenda do filho, tem a responsabilidade de saber o que está acontecendo com a criança. Não dá para se preocupar com isso só quando a escola chama. No fundo, os pais sempre sabem quando algo não vai bem, mas esperam que a escola constate o problema.

7 - O que fazer quando eles agem como adultos?
Educação infantil é algo que se conjuga no gerúndio. Não há "já fiz isso pelo filho"; existe: "estou fazendo isso pelo meu filho". O aprendizado da criança vem pela repetição. Se ela vê adultos falando sobre determinados assuntos, vai falar sobre eles também. Mas há assuntos que não são para crianças. O importante é deixar claro que as regras não são ocasionais. Por exemplo: celular não é brinquedo para criança de um ano. Se não pode, não pode nem "um pouquinho". E não pode em casa, na casa da avó e nem na escola. Não resolve castigar quando o celular quebra.

8 - Como fazer o filho dormir no horário certo?
Primeiro é preciso observar o ritmo da criança. Nem todas elas têm de dormir por oito horas. Isso é individual. Se ela estiver cansada, com mau humor pela manhã, é sinal que dormiu pouco. Também é preciso observar o ritmo da casa. Não adianta querer que o filho durma se a casa está fervendo e a TV está no volume máximo. Casa não é quartel. Forçar a criança a dormir se ela não tem sono é uma das causas de manipulação de genitais.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário